PRO EVOLUTION SOCCER 2019 | Primeiras Impressões

Parece que desta vez não meteram os PES pelas mãos...

78
Por Bruno Vieira escritor/a em SOMOSGEEKS.PT
Gaming / One Piece / Music / Movies

O simulador nipónico do desporto rei está de volta, e melhor do que nunca! Sim, é verdade que lês esta frase muitas vezes, mas desta vez é dita por mim, portanto esta é a minha primeira oportunidade de te convencer do porquê de estar a dizer isto.

É sabido que o maior asset que a Konami tinha para esta saga se despediu este ano dos holofotes nipónicos, mas a Champions League nem sempre significa qualidade, algo que foi provado nos últimos títulos, embora se tenham notado certas melhorias de videojogo para videojogo. A estratégia da Konami é simples, ir gradualmente aperfeiçoando o que PES 2014 criou: uma versão com o Fox Engine onde a simulação do desporto rei é exímia.

Na cidade do Futebol, tive a oportunidade de ver, ouvir e experimentar o mais recente título de Pro Evolution Soccer, precedido de uma apresentação, onde nos foram apresentadas as novidades relativamente a PES 2019. Com a perda da Liga dos Campeões, a Konami rapidamente se adaptou e conseguiu inúmeras ligas para competir com o colosso e eterno rival, FIFA.

  THE AWESOME ADVENTURES OF CAPTAIN SPIRIT | Crítica

Notei que deram bastante ênfase à ligação com as várias nações. Não adicionaram uma liga por adicionar. Colocaram empenho em cada liga que se juntou ao lote de equipas jogáveis. É verdade que as licenças deviam ser completas, mas como em tudo na vida, quem manda é o dinheiro, e acredito que não haja suficiente para esbanjar balúrdios em licenças quando o foco de um videojogo é a jogabilidade, e aí PES 2019 acerta na mouche.

Adicionaram ainda um novo sistema de iluminação, o Enlighten. Este sistema traz consigo uma melhor iluminação, retratando a realidade o melhor possível. Deixo aqui uma comparação para terem uma ideia de como melhorou.

  THE LOST CHILD | Crítica

Pude ainda ter a honra de entrevistar Masuda-San, que sempre simpático esclareceu todas e mais algumas dúvidas que tivesse, deixo então algumas perguntas e respostas que acho serem mais preponderantes:

Qual é o maior desafio em criar um videojogo nos dias de hoje, mais concretamente de um desporto, onde a jogabilidade tem de ser o mais fiel possível?

É difícil adaptarmo-nos ao gosto de cada jogador, mas tentamos aproximar a nossa experiência da forma mais generalizada que podemos, para que possamos encontrar o meio-termo que agrade tanto aos novos jogadores, como aos mais experientes.

Um dos aspetos que sempre tiveram mais lacunas no Pro Evolution Soccer são os guarda-redes, como por exemplo, 80% das vezes socarem as bolas para a frente em vez de agarrarem, o que permite à equipa adversária tomar partido, é algo de que estão cientes ou estou apenas a divagar?

Já nos tinham falado nisso, mas nós não padronizamos os guarda-redes, simplesmente tiramos informações estatísticas sobre os guarda-redes e qual a sua maneira preferida de defender. O que acontece é que os jogadores muitas vezes escolhem uma equipa preferida, então o guarda-redes que usam acaba por ser o mesmo, o que leva a que as ações sejam sempre as mesmas.

Neste momento o que predomina no mercado dos videojogos de futebol é o Ultimate Team do FIFA, qual acham ser o maior desafio ao ir contra um colosso que é este modo de jogo?

Nós com o MyClub estamos a tentar seguir uma política diferente, apesar de se enquadrar no mesmo estilo, pensamos que a nossa abordagem é mais prática e mais simples de disponibilizar a todos os fãs.

Por fim, para quando o regresso das avestruzes e dos dinossauros?

*Masuda desata-se a rir*

Recebemos muitos pedidos relativamente a esses extras, mas não sabemos se haverá hipótese de implementar no jogo, é uma questão de aguardarem e verem.

A Konami parece empenhada em liderar o mercado do desporto rei, não se resguardando no que toca a esforços, trabalhando para que possamos ter o melhor produto possível. Tive oportunidade de ver certos jogadores da Liga NOS, o que me deixou embasbacado, perguntando-me o quão próximos estaremos da própria realidade em termos gráficos.

  CLUEDO: THE CLASSIC MYSTERY GAME | Crítica

A jogabilidade está mais arcade, o que permite aos novos jogadores terem uma entrada mais suave na série. Não é que eu goste muito deste estilo arcade, mas percebo a lógica de o fazerem. Continuam com algo que me irrita solenemente nos jogos de futebol, que é o facto de um jogador adversário estar fora de jogo, a bola vem para o meu guarda-redes, sigo a jogar, mas o árbitro pára o jogo uns tempos depois de eu sair a jogar, a sério?

Não obstante, é com antecipação positiva que aguardo o mais recente título nipónico, para que possa investir umas valentes horas na contratação do que é na minha opinião o melhor jogador a alguma vez pisar um relvado, Ronaldinho Gaúcho (exclusivo ao Pro Evolution Soccer este ano).

Pro Evolution Soccer 2019 tem data de lançamento marcada para 28 de Agosto para Playstation 4, Xbox One e na Steam para PC.

Qual é o teu simulador de Futebol preferido?

1
OMGOMG
0
ADOROADORO
0
VOMITEI-ME TODOVOMITEI-ME TODO
0
YayYay
0
TRISTETRISTE
0
MEHMEH
0
IRRITADOIRRITADO
Voted Thanks!
AVISO LEGAL: A opinião expressa neste artigo é da única responsabilidade do seu autor e não representa a do Grupo Cubo Geek. Este artigo foi publicado de forma voluntária usando a plataforma Somos Geeks.
COMENTÁRIOS
Este espaço é disponibilizado para comentários sobre o tema apresentado nesta publicação. Respeita a opinião dos outros e mantém a discussão saudável.
Os comentários são moderados de acordo com as Regras da Comunidade.